quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Prefeitura implementa ajustes em linhas de ônibus para melhorar o atendimento em diversos bairros

21/09/2016 - SMTR

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Transportes (SMTR), implementará ajustes operacionais em linhas do sistema de ônibus a fim de melhorar o atendimento em diferentes regiões da cidade.

Os ajustes se somam a outros implementados ao longo deste ano e foram elaborados a partir de análises técnicas da secretaria; sugestões dos passageiros à Central 1746, à Ouvidoria da SMTR, além de pedidos feitos por associações de moradores às subprefeituras.

Resolução da SMTR, publicada nesta quarta-feira (21/09), cria cinco serviços: Rio Comprido x Largo do Machado (via Lapa); Cidade de Deus x Centro (via Av. Menezes Côrtes); Madureira x Hospital Cardoso Fontes (via Cascadura); Cascadura x Jardim Oceânico (via Linha Amarela / Rio das Pedras); e serviço variante da 472 (Triagem x Leme – via Túnel Velho), passando pelo Shopping Rio Sul e Rodoviária Novo Rio.

Além disso, será prolongado o itinerário da 803 (Senador Camará x Taquara – via Estrada do Catonho) até a Cidade de Deus. Haverá ainda reforço de frota das linhas 232 (Lins x Castelo – via Rua Aquidabã – circular) e 331 (Praça Seca x Castelo – via Linha Amarela).

Todas as sugestões encaminhadas para a Central 1746 são repassadas à Ouvidoria da SMTR que compila os dados e encaminha às áreas técnicas para análise. A Prefeitura mantém ainda diálogo permanente com as associações de moradores da cidade a fim de discutir medidas que possam melhorar cada vez mais o serviço de ônibus do Rio de Janeiro.

sábado, 13 de agosto de 2016

Rio terá ônibus, um deles com 2 andares, percorrendo as ruas da Zona Sul e Centro

13/08/2016 - O Globo

Frota panorâmica para apreciar a cidade vai funcionar a partir de segunda-feira

RENAN ALMEIDA


O ônibus oficial da cidade - Arthur Moura /dIVULGAÇÃO

RIO - Quem está no Rio a passeio, ou quer conhecer um pouco mais da Cidade Maravilhosa, terá uma nova opção a partir de segunda-feira. Quatro ônibus panorâmicos, um deles com dois andares, circularão por alguns dos principais pontos turísticos da Zona Sul e do Centro. O local de partida é a Praça General Osório, em Ipanema, de onde os coletivos do Sightseeing Rio — um serviço oficial da Rio Ônibus em parceria com a Riotur — seguirão até a Praça Mauá.

Com o início de operação durante a Olimpíada, o serviço promete ser um legado para o turismo, a exemplo do que já ocorre em cidades como Londres, Madri e Buenos Aires. Todas as viagens serão acompanhadas de guias, que falarão em português e inglês. Os ônibus vão circular com intervalos de 40 minutos, e uma pulseira vai permitir o embarque e o desembarque do passageiro quantas vezes ele quiser no mesmo dia. O Museu de Arte Moderna (MAM), a Praça Quinze e a Igreja da Candelária são algumas das atrações no trajeto. Quem preferir fazer todo o percurso sem deixar o conforto do ônibus pode aproveitar uma parada especial na base do bondinho do Pão de Açúcar.

A primeira viagem começará às 8h, na Praça General Osório, e a última partida será às 18h. De acordo com a Rio Ônibus, o maior veículo da frota, o double deck, tem dois andares e capacidade para 71 passageiros e é sem capota. Já os outros três, do tipo frescão, contam com janelas panorâmicas e transportam até 50 pessoas.

Uma sinalização especial vai identificar os pontos de parada do Sightseeing Rio. O passe custará R$ 80 e só será vendido nos ônibus. O pagamento poderá ser feito em dinheiro e cartões. Crianças de até 7 anos terão direito a gratuidade. O trajeto completo passa por Praia de Copacabana, Pão de Açúcar, Enseada de Botafogo, Parque Carmem Miranda, Casa Julieta de Serpa, Castelinho do Flamengo, Glória, MAM, Praça Quinze, Candelária, Praça Mauá, Cais do Valongo, Praça Tiradentes e Lapa.

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Prefeitura inaugura Terminal Nuta James no Lote Zero

01/07/2016 - Secretaria Municipal de Transportes

O Terminal Nuta James, que integra o Lote Zero do BRT Transoeste, será inaugurado neste sábado, 2 de julho. Como o novo corredor só entrará em operação para os Jogos Rio2016,  neste primeiro momento, o terminal — que fica junto à estação Jardim Oceânico — receberá apenas pontos finais de linhas da região: 343 (Joatinga x Candelária - via Linha Amarela), 345 (Barra da Tijuca x Candelária - via Furnas) e 805 (Alvorada x Jardim Oceânico - circular).

Como a linha 343 passará a seguir pela Av. Armando Lombardi e não mais pela praia, a SMTR criou a linha LECD 13 (Freguesia – Joatinga – circular) que seguirá pelas Avenidas Érico Veríssimo e Pepê, atendendo os moradores da região.

1. LINHA 343 – Joatinga x Candelária (via Linha Amarela)

NOVA VISTA: 343 – Jardim Oceânico x Candelária (via Linha Amarela)
ITINERÁRIO:

IDA: Av. Nuta James (Terminal Nuta James - Ponto Terminal), Rua Helios Seelinger, Av. Armando Lombardi (Pista Lateral), retorno sob a Ponte de Marapendi, Av.  Armando Lombardi, Av. Min. Ivan Lins, retorno sob a Ponte da Joatinga, Av. Min. Ivan Lins, Ponte Velha, Estr. da Barra da Tijuca, Rua Dom Rosalvo Costa Rego, Estr. da Barra da Tijuca, Estr. do Itanhanga, Av. Eng. Souza Filho, Estr. de Jacarepaguá, Rua Tirol, Rua Comandante Rubens Silva, Estr. dos Tres Rios, Av. Geremario Dantas, pista de acesso a Linha Amarela, Av. Gov. Carlos Lacerda (Linha Amarela), Rua Sizenando Nabuco, Av. Brasil, Av. Francisco Bicalho, Vd. dos Pracinhas, Av. Pres. Vargas (pista central), Av. Pres. Vargas (pista central - ponto terminal entre a  Av. Passos e a Rua Uruguaiana).

VOLTA: Av. Pres. Vargas (pista central - ponto terminal entre a  Av. Passos e a Rua Uruguaiana), Av. Pres. Vargas (pista central), Praça Pio X, retorno(e/f a Rua Primeiro de Março), Praça Pio X, Av. Pres. Vargas (pista central), agulha de acesso a pista lateral e/f a Av. Passos, Av. Pres. Vargas (pista lateral), Av. Francisco Bicalho, Elevado do Gasômetro, Av. Rio de Janeiro, Rua Ver. Odilon Braga, Av. Brasil (pista lateral), acesso ao Vd. de Manguinhos, Vd. de Manguinhos, Av. Gov. Carlos Lacerda (Linha Amarela), pista de acesso a Av. Geremario Dantas, Av. Geremario Dantas, Pca. Professora Camisão, Estr. de Jacarepaguá, Av. Eng. Souza Filho, Estr. do Itanhangá, Estr. da Barra da Tijuca, Ponte Nova, pista de acesso a Av. Armando Lombardi, Av. Armando Lombardi, Av. Nuta James (Terminal Nuta James - Ponto Terminal).

2. LINHA 345 – Barra da Tijuca x Candelária (via Furnas) 
NOVA VISTA:  345 – Jardim Oceânico x Candelária (via Alto da Boa Vista)

IDA: Av. Nuta James (Terminal Nuta James - Ponto Terminal), Rua Helios Seelinger, Av. Armando Lombardi (Pista Lateral), retorno sob a Ponte de Marapendi, Av. Armando Lombardi, Av. Min. Ivan Lins, retorno sob a Ponte da Joatinga, Av. Min. Ivan Lins, Ponte Velha, Estr. da Barra da Tijuca, Pça. Des. Araujo Jorge, Rua Einstein, Av. Vitor Konder, Estr. da Barra da Tijuca, Rua Dom Rosalvo Costa Rego, Estr. das Furnas, Rua Boa Vista, Pça. Afonso Viseu, Av. Edison Passos, Rua Conde de Bonfim, Lgo. da Segunda Feira, Rua Haddock Lobo, Rua Estácio de Sá, Rua Hélio Beltrão, Rua Rodrigues dos Santos, Rua Visc. Duprat, Rua Julio Carmo, Rua Amoroso Lima, Rua Benedito Hipólito, Rua de Santana, Av. Pres. Vargas (pista central), Av. Pres. Vargas (pista central - ponto terminal entre Rua Uruguaiana e Av. Rio Branco).

VOLTA: Av. Pres. Vargas (pista central - ponto terminal entre Rua Uruguaiana e Av. Rio Branco), Pça. Pio X, Av. Pres. Vargas (pista central), Vd. dos Marinheiros, Av. Paulo de Frontin, Av. João Paulo I, Rua Dr. Satamini, Av. Heitor Beltrao, Rua Conde de Bonfim, Av. Edison Passos, Pça. Afonso Viseu, Rua Boa Vista, Estr. das Furnas, Estr. da Barra da Tijuca, Ponte Nova, pista de acesso a Av. Armando Lombardi, Av. Armando Lombardi, Av. Nuta James (Terminal Nuta James - Ponto Terminal).

LINHA 805 – Alvorada x Jardim Oceânico (circular) 
NOVA VISTA: 805 – Alvorada x Jardim Oceânico

IDA: Terminal Alvorada, Trevo das Palmeiras, Av. Ayrton Senna, Mergulhão Billy Blanco, Trevo das Palmeiras, Av. Ayrton Senna, Av. Lúcio Costa (pista sentido Recreio dos Bandeirantes), primeiro retorno, Av. Lúcio Costa (pista sentido Joatinga), Av. Olegário Maciel, Pça. Euvaldo Lodi, Av. Min. Ivan Lins, retorno sob a Ponte da Joatinga, Av. Min. Ivan Lins, Av. Armando Lombardi (pista lateral), Av. Nuta James (Terminal Nuta James – Ponto Terminal).

VOLTA: Av. Nuta James (Terminal Nuta James – Ponto Terminal), Rua Helios Seelinger, Av. Armando Lombardi (pista lateral), retorno sob a Ponte de Marapendi, Av. Armando Lombardi, Av. Erico Veríssimo, Pça. Prof. Jose Bernardino, Av. Erico Veríssimo, Av. Lúcio Costa (pista sentido Recreio dos Bandeirantes),  Av. Ayrton Senna, Trevo das Palmeiras, Av. das Américas (pista lateral sentido Joatinga), retorno e/f Barrashopping, Av. das Américas (pista lateral sentido Recreio dos Bandeirantes), Trevo das Palmeiras, Av. Ayrton Senna, Mergulhão Billy Blanco, Trevo das Palmeiras, Terminal Alvorada.

LECD 13 – Freguesia x Joatinga (circular)

IDA: Estr. do Gabinal (baia próxima ao Center Shopping), Estr. de Jacarepaguá, Av. Eng. Souza Filho, Estr. do Itanhangá, Estr. da Barra da Tijuca, Ponte Nova, Av. Armando Lombardi, retorno sob a Ponte de Marapendi, Av. Armando Lombardi, Pça. Euvaldo Lodi, Av. Érico Veríssimo, Pça. Prof. José Bernardino, Av. Érico Veríssimo, Av. Pepe, Rua Sarg. João Faria, Av. Ministro Ivan Lins, Ponte Velha, Estr. da Barra da Tijuca, Rua Dom Rosalvo Costa Rego, Estr. da Barra da Tijuca, Estr. do Itanhangá, Estr. de Jacarepaguá, Av. Eng. Souza Filho, Estr. de Jacarepaguá, Rua Tirol, Rua Comandante Rubens Silva, Estr. dos Tres Rios, Pça. Professora Camisão, Estr. do Gabinal (baia próximo ao Center Shopping).

quarta-feira, 18 de maio de 2016

Terminal Alvorada: Alterações nas plataformas das linhas de ônibus

17/05/2016 - Secretaria Municipal de Transportes

Devido às obras de ampliação do Terminal Alvorada, a circulação de ônibus e passageiros na plataforma B será interrompida a partir de 0h do dia 18 de maio. As linhas serão redistribuídas entre as plataformas A, C e D (plataforma provisória para o período de obras). A travessia entre o local de embarque e desembarque do BRT e a plataforma C será feita através da passagem subterrânea. Uma faixa de pedestres será criada entre as plataformas C e D.

Na plataforma A ficarão apenas as linhas alimentadoras. A plataforma B estará interditada, e a plataforma C vai receber as linhas regulares de ônibus que atualmente estão nas plataformas A e B. As linhas executivas "Frescões" e intermunicipais irão para a recém criada plataforma D.

Agentes de informação vão orientar os usuários sobre a nova disposição das linhas de ônibus. Eles estarão posicionados nas duas entradas do terminal e nas plataformas A, C e D.

Veja a nova disposição das linhas do Terminal Alvorada:

PLATAFORMA A

882A TANQUE X ALVORADA (VIA FREGUESIA)
888A ALVORADA X JOATINGA (VIA ÉRICO VERÍSSIMO) CIRCULAR
890A TANQUE X ALVORADA (VIA CIDADE DE DEUS)
897A ALVORADA X VIA PARQUE (VIA PENÍNSULA) CIRCULAR
899A ALVORADA X JOATINGA (CIRCULAR)
SP899A – ALVORADA X DOWNTOWN (CIRCULAR)
991A TAQUARA X ALVORADA (VIA CIDADE DE DEUS)

PLATAFORMA C

INT. 01 RIOSUL X ALVORADA (AV.ATLÂNTICA/LAGOA-BARRA/AMÉRICAS)
INT. 02 RIOSUL X ALVORADA(AV.ATLÂNTICA/NIEMEYER/LÚCIO COSTA)
INT. 03 ALVORADA X METRÔ BOTAFOGO (VIA AV. DAS AMÉRICAS/JARDIM BOTÂNICO) CIRCULAR
301 RODOVIÁRIA X BARRA DA TIJUCA (VIA AV. DAS AMÉRICAS)
302 RODOVIÁRIA X ALVORADA(VIA AV. LÚCIO COSTA)
303 RODOVIÁRIA X BARRA DA TIJUCA(VIA LINHA AMARELA) CIRCULAR
309 ALVORADA X CENTRAL (VIA BOTAFOGO/AV.SERNAMBETIBA)
525 GENERAL OSÓRIO X ALVORADA
614 DEL CASTILHO X ALVORADA
692 MÉIER X ALVORADA (VIA DOM HÉLDER CÂMARA / LINHA AMARELA)
693 MÉIER X ALVORADA (VIA R. DIAS DA CRUZ / LINHA AMARELA)
805 ALVORADA X JARDIM OCEÂNICO (CIRCULAR)
880 RIO DAS PEDRAS X ALVORADA (VIA AV. AYRTON SENNA)

PLATAFORMA D

565 TANQUE X GÁVEA (VIA FREGUESIA)
886 FREGUESIA X BARRA DA TIJUCA (CIRCULAR)
887 PECHINCHA X BARRA DA TIJUCA (CIRCULAR)
2018 AEROPORTO INTERNACIONAL DO RJ (AIRJ) X ALVORADA
2330 RODOVIÁRIA X BARRA DA TIJUCA (VIA LINHA AMARELA) CIRCULAR
2918 AEROPORTO INTERNACIONAL DO RJ (AIRJ) X ALVORADA (VIA L. AMARELA)
As linhas intermunicipais que usam o Terminal Alvorada também ficarão na plataforma D.

CIDADE DO AÇO- DIVERSAS – CIDADE DO AÇO
ÚNICA- DIVERSAS – ÚNICA
400T BELFORD ROXO
405T NOVA IGUAÇÚ
410T SÃO JOÃO DO MERITI
415T CAXIAS
420T NILÓPOLIS (VIA MESQUITA)
425T QUEIMADOS

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Neste sábado, 180 linhas de ônibus sofrem mudança de itinerário no Centro

13/05/2016 - O Dia

Alterações serão realizadas com o objetivo de preparar região para o VLT. Avenida Rio Branco será aberta para carros

O DIA

Rio - Uma série de mudanças viárias no Centro, dessa vez definitivas, será realizada a partir deste sábado pela prefeitura com o objetivo de preparar a região para receber o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). A principal modificação será a reabertura da Avenida Rio Branco, no trecho entre as avenidas Presidente Vargas e Nilo Peçanha, com duas faixas para automóveis e a terceira para uso exclusivo das linhas de ônibus troncais. Como o sentido de muitas ruas será invertido, 180 linhas de transporte coletivo terão seus itinerários alterados, sendo 139 municipais. 

Confira as linhas municipais que sofrerão mudanças

Confira as mudanças nas linhas intermunicipais

Táxis não poderão circular na faixa exclusiva para ônibus, nem parar para embarque e desembarque na via. A reorganização do Centro termina no dia 21 de maio, com a modificação de sentido em quatro ruas. A CET-Rio pediu que os cariocas evitem a região neste fim de semana para se pouparem de transtornos. O VLT começará a circular com passageiros a partir de 22 de maio.

Conheça o cronograma das alterações no trânsito:

Dia 14/05

- Liberada a circulação de automóveis em duas faixas da Av. Rio Branco. A terceira faixa, no trecho entre a Av. Presidente Vargas e a Av. Nilo Peçanha, será de uso exclusivo das linhas de ônibus troncais.
- Rua da Carioca, Rua da Assembleia e trecho da Av. Nilo Peçanha: sentido invertido (Praça Tiradentes em direção a Av. Presidente Antônio Carlos).
- Av. República do Paraguai volta a ter mão dupla
- Rua Araújo Porto Alegre e Rua Evaristo da Veiga terão tráfego invertido para permitir o acesso à Praça Tiradentes
- Rua Silva Jardim terá o tráfego invertido

Dia 21/05

- Rua Senador Dantas, Rua Mestre Valentim (pista junto ao Passeio Público), Rua do Passeio (entre Av. Teixeira de Freitas e Rua Senador Dantas) e Av. Luís de Vasconcelos: sentido de tráfego invertidos. A circulação no entorno do Passeio Público volta à situação original.

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Maricá: Justiça devolve Vermelhinhos da EPT às linhas originais

12/05/2016 - Maricá Info

Por decisão do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, os ônibus vermelhinhos da Empresa Pública de Transportes (EPT) de Maricá (RJ) poderão retornar às linhas originais que cumpriram até as empresas de transportes obterem na Justiça uma medida interrompendo a operação. Na decisão atual, a desembargadora Marília de Castro Neves Vieira, da 20ª Câmara Cível, não acolheu o recurso do Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro – SETRERJ (representante das empresas Nossa Senhora do Amparo e Costa Leste) e manteve a decisão da 1ª Vara Cível de Maricá a qual já havia indeferido o pedido das empresas de suspensão dos serviços prestados pela EPT.

A medida abre caminho para a volta da operação utilizando como eixo principal a RJ-106, que corta o município. No momento, a EPT está refazendo os estudos das rotas Maricá-Inoã, Maricá-Ponta Negra e MCMV-Recanto-Itaipuaçu circular. A princípio as linhas funcionarão de segunda a sexta-feira das 4h30 às 0h e, nos sábados, domingos e feriados, das 6h às 0h, sempre com intervalos de uma hora. As linhas MCMV (Minha Casa Minha Vida) e para Ponta Negra podem ser operadas 24 horas. A previsão da autarquia é iniciar a operação já na próxima semana.

A desembargadora foi clara em sua fundamentação, especialmente quanto aos principais prejudicados com a suspensão do serviço. “A supressão das linhas de ônibus criadas pelo Município causaria impacto apenas aos munícipes, que voltariam a sofrer as agruras do mau serviço de transporte anteriormente prestado”, ressaltou, confirmando a principal justificativa para a interferência do poder público em favor do cidadão. Em análise inicial, a desembargadora não identificou o argumento das concessionárias contra o sistema de Tarifa Zero, sobretudo nas linhas originais. “Não há como se comprovar eventual “competição predatória” praticada pela autarquia municipal”, afirma o texto, acrescentando que a análise do mapa apresentado pelas concessionárias mostra que as áreas de confluência das linhas ocorrem nas rodovias estaduais RJ 106, RJ 108 e RJ 114, “já que não há outra via que permita a ligação entre os bairros atendidos”.

Assim, fica claro que a Justiça acolheu os argumentos do município, que destacou a importância da manutenção do serviço de transporte coletivo de passageiros pela EPT para atendimento da população maricaense. Trata-se de uma ação relevante especialmente para aqueles que não dispõem de recursos para pagamento de passagens de ônibus, permitindo que todos possam se locomover a hospitais, postos de saúde, escolas, creches, inclusive no período noturno/madrugada (não atendido de forma regular pelas empresas privadas). A decisão permite recurso.

A EPT foi idealizada para resgatar o direito à mobilidade, afetado pelo monopólio de quatro décadas em vigor na cidade. É uma medida legal que visa o desenvolvimento local e a promoção de política pública ligada à proteção da dignidade da pessoa humana, garantindo à população especialmente a mais carente, o direito à locomoção pelo território municipal com qualidade e de forma gratuita. Durante o período em que as linhas originais operaram, muitos moradores puderam conhecer outras áreas da própria cidade, promovendo a integração das diversas áreas/distritos do município.

Viação Bangu paralisa atividades e culpa concorrência de vans

Com o fechamento, 800 funcionários serão demitidos
   
12/05/2016 - O Globo

Ônibus parados em garagem da Viação Bangu - Reprodução / TV Globo


RIO - O Rio Ônibus, sindicato das empresas de ônibus, informou que a Auto Viação Bangu paralisou suas atividades nesta quinta-feira. Com o fechamento, cerca de 800 rodoviários serão demitidos. Segundo o consórcio Santa Cruz, a Viação Bangu é a quinta empresa em um ano a paralisar suas atividades na Zona Oeste devido a dificuldades financeiras.

Os funcionários, que estavam em greve desde segunda-feira, foram surpreendidos com a notícia.

Ainda segundo o Rio Ônibus, um plano de contingência foi elaborado e será colocado em prática nesta quinta-feira para assumir a operação de linhas da Bangu. O consórcio atua, junto ao Rio Ônibus, numa negociação com o Sindicato dos Rodoviários (Sintraturb) para assegurar o pagamento dos salários atrasados e das verbas rescisórias correspondentes ao desligamento coletivo dos funcionários da Viação Bangu.

Segundo o Consórcio Santa Cruz, o panorama de crise no setor se agravou por influência da crise econômica e da concorrência do transporte clandestino de vans e Kombis, principalmente na Zona Oeste.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/viacao-bangu-paralisa-atividades-culpa-concorrencia-de-vans-19288388#ixzz48TfDeKFn 
© 1996 - 2016. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.