sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Prefeitura do Rio apresenta dois novos ônibus biarticulados para o BRT

19/09/2014 - Agência Rio

Da Redação

O prefeito Eduardo Paes apresentou nesta sexta-feira (19) dois ônibus biarticulados que serão utilizados no sistema BRT (Bus Rapid Transit), corredor expresso para ônibus articulados. Os dois veículos, com capacidade para 270 passageiros cada – mais do que a capacidade de um Boeing - têm 28 metros de comprimento e vão operar nos corredores expressos Transoeste, que liga Santa Cruz à Barra, e Transcarioca, do Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, à Barra da Tijuca. ,

O modelo Volvo B340M biarticulado é totalmente fabricado no Brasil e é o maior ônibus em circulação no país. A princípio, os veículos serão usados no trajeto Alvorada/Mato Alto, da Transoeste.

- Vamos testar esses dois biarticulados e tenho certeza de que eles vão aumentar o conforto e a rapidez dos usuários, principalmente nas estações que ficam mais cheias nos horários de maior movimento. A grande vantagem do BRT é a flexibilidade: o investimento não é absurdo, sendo mais fácil exigir do concessionário a compra de novos ônibus. E é isso que vamos continuar fazendo, para cada vez mais servir e aumentar a qualidade para o usuário – disse Paes.

O uso de veículos biarticulados nas canaletas do BRT faz com que um número maior de passageiros seja transportado simultaneamente. De acordo com o fabricante, um biarticulado faz o papel de dois articulados de 18,6m, diminuindo o número da frota, a mão de obra operacional, o consumo em total de litros e a quantidade de pneus rodando. O secretário municipal de Transportes, Alexandre Sansão, disse que os ônibus devem começar a rodar na próxima semana, após licenciados, regulamentados e equipados:

- Em meados da semana que vem vamos começar a operar esses dois novos biarticulados. Esses veículos, como têm capacidade para 270 pessoas, são muito adequados para o serviço direto, que não para e transporta muita gente. Eles consomem 30% a mais de combustível do que os ônibus normais do BRT, mas também transportam 50% a mais de passageiros, o que mostra sua eficiência. Para aproveitarmos bem essa eficiência escolhemos a linha mais adequada a essas características, que é o trajeto Alvorada/Mato Alto (Transoeste), a linha direta que transporta a maior quantidade de pessoas no BRT.

A opção por iniciar o serviço dos biarticulados no BRT Transoeste também foi tomada levando-se em conta o percurso, que possui menos curvas, de mais fácil adaptação para os motoristas. O BRT Transcarioca, por possuir mais curvas, exige um treinamento mais duradouro dos motoristas de adaptação aos novos veículos.

Os ônibus biarticulados que entram em circulação no BRT Rio são equipados com caixa de transmissão automática, freio a disco, e EBS, um sistema de controle eletrônico dos freios que oferece mais eficiência e estabilidade às frenagens. Estes itens garantem segurança à operação, conforto aos passageiros e diminuem o desgaste dos componentes, reduzindo os custos de manutenção.

O modelo tem controle de aceleração inteligente, que otimiza o consumo de combustível. A tecnologia garante que somente a potência necessária seja empregada nos arranques e retomadas de velocidade, de acordo com o peso do veículo, evitando aceleração acima do necessário.

Com o aumento da capacidade de passageiros transportados será possível que mais pessoas, como o representante comercial Francisco Afonso, deixem de usar os veículos pessoais para aderir ao serviço dos BRTs.

- Além de diminuir meu tempo de viagem não me estresso mais no engarrafamento e não preciso ficar procurando vaga. Foi a oportunidade que eu esperava para deixar meu carro em casa, só não uso o BRT quando o trajeto realmente não permite - disse Francisco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário