quinta-feira, 27 de março de 2014

Inaugurado último trecho do BRT Transoeste ligando Santa Cruz a Campo Grande

27/03/2014 - Niterói Mais

O último trecho do BRT Transoeste ligando Santa Cruz a Campo Grande foi inaugurado neste sábado (22). O trecho segue pela Avenida Cesário de Melo, na Zona Oeste do Rio. Ao todo, o novo serviço conta com 26 estações distribuídas em 16 Km, sendo nove novas estações inauguradas hoje. A previsão inicial é de que 20 mil passageiros por dia passem a usar o novo serviço.

"Essa ligação de Santa Cruz a Campo Grande aumenta muito a possibilidade de gente atendida. Você tem toda a reta da Avenida Cesário de Melo, que tem muitas comunidades, muitos bairros e com pessoas que precisam de transporte com qualidade. O BRT é um super ganho para a população da Zona Oeste. Completamos esse ciclo aqui na Zona Oeste, que depois vai se ligar com a Transolímpica, quando ela estiver pronta. O BRT dá dignidade para as pessoas", destacou o prefeito do Rio Eduardo Paes.

As novas estações, que compõem o chamado Lote 4, são Inhoaíba; Ana Gonzaga; São Jorge; Pina Rangel; Parque da Esperança; Cândido Magalhães, Prefeito Alim Pedro, Gramado e Terminal Rodoviário de Campo Grande, que passam a integrar o corredor exclusivo e funcionarão 24h todos os dias da semana.

De acordo com a prefeitura, para a operação serão utilizados 25 veículos BRT do tipo padron, com capacidade para 100 passageiros e cumprindo intervalos médios de seis minutos nos horários de pico, em sistema parador. Além de maior conforto, com veículos novos, todos os ônibus têm ar-condicionado.

Segundo as contagens iniciais, com a entrega das novas estações haverá uma redução média no tempo de viagem de 25%, no trecho entre Santa Cruz e Campo Grande, em comparação ao serviço de ônibus regulares utilizados antes da construção da Transoeste. A viagem, que tinha duração média de 50 minutos, passará a ser feita em 38 minutos.

Para orientação dos usuários, equipes de agentes do Rio Ônibus trabalham na distribuição prévia de panfletos informativos em toda a região do entorno das estações.

A obra desse corredor expresso foi realizada por meio das secretarias municipais de Obras (SMO) e Transportes (SMTR), em conjunto com o Consórcio BRT.

Obra do Lote 4

O trecho correspondente ao quarto lote da Transoeste inicia na Estrada da Pedra e segue até Campo Grande pela Avenida Cesário de Melo. A Secretaria Municipal de Obras investiu R$ 84,4 milhões nesta etapa para implantação do corredor expresso, utilizando 12 quilômetros da via, uma das arteriais do bairro, que foram adaptadas para receber o sistema de BRT.

BRT Transoeste

Primeiro BRT da cidade, a Transoeste passa a ligar a Barra da Tijuca a Santa Cruz e Campo Grande, transportando 150 mil passageiros por dia. Totalmente segregado do tráfego geral, composto por linhas expressas e paradoras, o corredor passa a ter 56 quilômetros de extensão e 58 estações, incluindo os três terminais Alvorada, Santa Cruz e Campo Grande. Em operação no trecho Barra x Santa Cruz desde junho de 2012, o investimento da Prefeitura do Rio na implantação do corredor é de R$ 1 bilhão.

Criado em Curitiba e exportado para diversas cidades como Bogotá, Pequim e Johanesburgo, o BRT consiste num sistema de transporte público com ônibus articulados que circulam em vias exclusivas, reduzindo, assim, o tempo de viagem do passageiro. O embarque de passageiros se dá em estações com plataformas compatíveis com o piso dos veículos, reduzindo o tempo de embarque e os bilhetes são vendidos antecipadamente. Por operar de forma troncal, os BRTs contribuem decisivamente para o reordenamento do sistema de transporte de uma cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário