segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Estacionamento vira ponto final

27/08/2013 - O Globo

Terminal da Joatinga é transferido para área sob o Viaduto do Joá, depois do início de obra de recuperação ambiental

Irregular. Vans e ônibus param os veículos em estacionamento Felipe Hanower/Agência O Globo
RIO - O problema já é antigo. De tempos em tempos, o estacionamento sob o Viaduto do Joá, destinado a automóveis, é utilizado por motoristas de vans como ponto final. Mas a situação se complicou. Desde o início da obra de recuperação ambiental feita no local pelo Inea e pela Cedae, no começo do ano, o Terminal da Joatinga foi transferido para lá, com autorização da subprefeitura da região. Desde que os ônibus começaram a parar aqui, o trânsito piorou muito. Parece que deu um nó. Muitas vezes, os motoristas param fora dos limites do estacionamento, o que contribui ainda mais para que a situação piore conta Marco Ripper, presidente da Associação de Moradores e Amigos do Quebra-Mar.

O trânsito não é a única reclamação gerada pela mudança do terminal.

A passagem para o deque ficou impedida. Quem não deixa seus barcos e jet-skis em marinas costuma passar pelo estacionamento para chegar ao deque, transportando as embarcações em carrinhos até a água, o que ficou muito difícil. Além disso, o estacionamento não tem estrutura para funcionar como um ponto final. Não há banheiros, e o lugar está fedendo a urina. Outro problema é que, agora, há vendedores no local, e muita sujeira deixada por eli. Não deveria existir o Terminal da Joatinga se já existe, no mesmo bairro, o Terminal Alvorada diz Ripper.

Por meio de nota, a subprefeitura da Barra e Jacarepaguá informou que foi autorizada a fazer a mudança do Terminal da Joatinga para o estacionamento, cem metros à frente do antigo ponto final. O órgão também comunicou que o estacionamento de vans é proibido no local e que fiscalizações rotineiras têm sido feitas, com o apoio da Guarda Municipal

Nenhum comentário:

Postar um comentário