quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Rio de Janeiro inaugura a segunda estação do BRT para Copa

09/11/2011 - Agência T1

A primeira estação-modelo de BRT da Transoeste foi inaugurada pela prefeitura em setembro deste ano

Por Anna Beatriz Cunha - Prefeitura do Rio de Janeiro

O corredor expresso de ônibus articulados Transoeste ligará a Barra da Tijuca a Campo Grande e Santa Cruz. Estação tem 75,40m de extensão e capacidade para até três mil passageiros por hora.

A Prefeitura do Rio inaugurou na tarde desta terça-feira, (08.11), a segunda estação-modelo do BRT (Bus Rapid Transit) Transoeste, corredor expresso de ônibus articulados que ligará a Barra da Tijuca a Campo Grande e Santa Cruz, uma das obras de mobilidade urbana para a Copa do Mundo FIFA Brasil 2014.

Com 75,40 metros de extensão e capacidade para absorver até três mil passageiros por hora, a nova estação está localizada na Estrada do Magarça com Avenida das Américas, em Guaratiba.

Antes da inauguração da segunda estação-modelo do BRT (Bus Rapid Transit) Transoeste, as autoridades visitaram o Túnel da Grota Funda, uma das mais importantes intervenções da obra do corredor expresso de ônibus articulados.

A primeira estação-modelo de BRT da Transoeste foi inaugurada pela prefeitura em setembro deste ano, na Avenida das Américas, altura do condomínio Novo Leblon, na Barra da Tijuca.

Assim como a estação Novo Leblon, o protótipo da Estrada do Magarça ficará disponível para a população conhecer melhor o sistema.

A nova estação conta com 10 catracas normais e duas para cadeirantes e foi projetada para favorecer a ventilação natural, com uma cobertura longa e captadores eólicos, que estarão sempre virados para o Sudoeste e farão uma ventilação forçada dentro da própria estação.

Outro modelo como esse está sendo construído no cruzamento entre a Avenida das Américas e a Estrada da Matriz, em Guaratiba.

Ao longo do traçado da Transoeste estão previstas 64 estações, adaptadas à demanda de cada local, podendo ter entradas com seis ou 12 catracas.

Duas das maiores estações, com capacidade para 15 mil passageiros por hora, serão construídas na Avenida das Américas, na altura do Barrashopping, e em Santa Cruz, na altura do conjunto habitacional conhecido como Cesarão.

Criado em Curitiba e exportado para diversas cidades, tais como Bogotá, Pequim e Johanesburgo, o BRT consiste num sistema de transporte público com ônibus articulados que circulam em vias segregadas e por isso operam em velocidade maior do que uma linha de ônibus comum.

O embarque de passageiros é feito em estações com plataformas compatíveis com o piso dos veículos, reduzindo o tempo de embarque e com bilhetes vendidos antecipadamente.

Para operar de forma troncal, os BRTs contribuem decisivamente para o reordenamento do sistema de transporte de uma cidade.

A estimativa é que o tempo de espera do usuário seja muito curto, de um minuto a um minuto e meio, proporcionando intervalos menores entre os ônibus.

A Transoeste

O corredor expresso de ônibus articulados que ligará a Barra da Tijuca a Campo Grande e Santa Cruz faz parte do pacote de obras viárias de preparação da cidade para receber a Copa do Mundo 2014 e os Jogos Olímpicos 2016.

Esse sistema viário entrará em operação no primeiro semestre de 2012. Com 56 quilômetros, a Transoeste vai diminuir em 50% o tempo gasto no trajeto entre a Barra da Tijuca, Campo Grande e Santa Cruz e beneficiará cerca de 220 mil pessoas diariamente.



Foto: J.P. Engelbrecht

Nenhum comentário:

Postar um comentário