quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Transcarioca: prefeitura publica nesta quinta-feira edital de licitação da segunda etapa

29/12/2010 - O Globo - Natanael Damasceno


RIO - A prefeitura do Rio publica nesta quinta-feira no Diário Oficial o edital de licitação para o segundo lote da Transcarioca, o corredor expresso para ônibus que ligará a Barra ao Aeroporto Internacional Tom Jobim. As obras, que vão mudar a paisagem da Zona Norte, preveem a construção de três viadutos e duas pontes. Uma delas, no Fundão, será a primeira ponte estaiada (suspensa por cabos de aço presos a um grande pilar) da cidade. De acordo com a prefeitura, o custo da implantação do corredor exclusivo está estimado em R$ 548,3 milhões. O vencedor da concorrência deve ser conhecido em março, e as obras devem começar, segundo o Secretaria municipal de Obras, em maio.

- A Transcarioca é um compromisso da prefeitura e, por isso, há um esforço para que seja tudo feito segundo o cronograma estipulado. Tivemos inclusive uma reunião com representantes do Comitê Olímpico Internacional, que se mostraram muito satisfeitos com o andamento do projeto - contou o secretário Alexandre Pinto.

O segundo lote do corredor expresso tem 11 quilômetros de extensão e, segundo Alexandre, tem o projeto mais simples do que o primeiro por ter menos desapropriações. Seu trajeto começa no Largo da Penha, seguindo pelas Rua Monsenhor Alves Rocha, Rua Ibiapina, Rua Uranos, Estrada Engenho da Pedra, Rua Ismael Rocha, Rua Sargento Peixoto, e Avenida Brigadeiro Trompovski. Na Ilha do Fundão, o corredor passa pelas avenidas Um e Vinte e Quatro (formando um sistema binário neste pequeno trecho), segue pela Avenida Vinte e Nove até a Ilha do Governador, passa pela Estrada do Galeão e segue a Rua 20 de Janeiro até o aeroporto internacional.

- Apesar de este lote ter mais obras de grande porte, o primeiro era mais complexo, pois atravessa uma rea com uma densidade populacional mais alta, o que obriga a um número muito maior de desapropriações - diz o secretário.

De acordo com o edital, os viadutos serão erguidos sobre a estação de trem de Olaria, a Avenida Brasil (em Ramos) e a Estrada do Galeão (na Ilha). Já as pontes ficarão sobre o Canal do Cunha (na entrada da Ilha do Fundão) e sobre a Baía da Guanabara (ligando as ilhas do Governador e do Fundão).

Alexandre contou que as obras do primeiro lote, que terá 28 quilômetros e o custo estimado em R$ 730,4 milhões, começam em janeiro pelo mergulhão da Avenida Intendente Magalhães e pelo Viaduto de Madureira. Serão quatro frentes de obras e, além da ampliação da via, a obra inclui dois mergulhões, quatro viadutos, uma passagem inferior e a urbanização da área adjacente.

Investimento total será de R$ 1,3 bilhão

O investimento total nas obras para a Transcarioca será de R$ 1,3 bilhão, sendo R$ 1,1 bilhão financiado pelo Governo Federal. Segundo a prefeitura, a construção dos dois lotes deve ser concluída em três anos. Com 39 quilômetros de extensão, a Transcarioca terá uma faixa segregada ao corredor expresso que vai se integrar aos outros modais (trem, metrô e ciclovias) ao longo da via. Segundo a prefeitura, vai reduzir em mais de 60% o tempo gasto no trajeto entre a Barra e a Ilha do Governador. Junto com a a Transolímpica, a Transbrasil, e a Transoeste - cujo canteiro de obras deve ser visitado hoje pelo o presidente do Comitê Olímpico Internacional, Jacques Rogge -, a Transcarioca integra o conjunto de obras viárias planejadas pela prefeitura para viabilizar a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

http://oglobo.globo.com/rio/transito/mat/2010/12/29/transcarioca-prefeitura-publica-nesta-quinta-feira-edital-de-licitacao-da-segunda-etapa-923390207.asp

Nenhum comentário:

Postar um comentário