terça-feira, 13 de abril de 2010

TRT declara ilegal paralisação de ônibus no Rio



13/04/2010 - Transporte Idéia
O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) declarou ilegal a greve dos rodoviários de empresas de ônibus que operam na zona oeste do Rio de Janeiro. Aproximadamente 120 mil pessoas foram afetadas pela paralisação que atingiu, de acordo com a coordenadoria regional da secretaria municipal de Transportes, 100% da frota das empresas Pégaso, Jabour e Transportes Zona Oeste.
Em audiência realizada nesta segunda-feira, na Justiça do Trabalho, o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Rio de janeiro, representante legal da categoria, negou que tenha autorizado ou promovido o movimento paredista. Desta forma, a greve foi considerada ilegal, e o TRT determinou que no prazo máximo de 12 horas o sindicato esclareça, em nota pública, não ter dado seu respaldo ao movimento grevista.
Depois da divulgação da nota, o prosseguimento da paralisação acarretará a responsabilidade pessoal dos participantes promotores da greve, inclusive com a possibilidade de demissão por justa causa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário